in

Alerta: 12 sintomas que podem indicar câncer

Sem dúvida alguma, a saúde é nosso bem mais precioso. Quando nosso organismo está saudável nós encontramos disposição para as tarefas diárias, estudar, viajar, fazer exercícios físicos, curtir a balada e até mesmo namorar.

Publicidade

Contudo quando há algo de errado com a nossa saúde o organismo geralmente nos dá sinais de alerta, mais conhecidos como sintomas. Neste artigo você vai encontrar um alerta sobre os 12 sintomas que podem indicar câncer.

A palavra câncer por si só já amedronta. Tal doença pode afetar os mais diversos órgãos do corpo e, quanto mais cedo for diagnosticado, maiores são as chances de cura, por isso, saber identificar os sintomas do câncer pode lhe dar a possibilidade de sobreviver a ele; saiba mais.

Publicidade

Alerta: 12 sintomas que podem indicar câncer

Normalmente, o câncer é diagnosticado quando a pessoa apresenta sintomas bem específicos, que podem surgir de uma hora para outra, sem explicação ou como uma consequência de uma doença que não foi corretamente tratada. Como pode acontecer quando uma úlcera gástrica evolui para câncer de estômago. 

Publicidade

Desta maneira, preste atenção no que seu corpo quer te 'falar', em caso de qualquer suspeita procure seu médico de confiança para que todos os exames necessários sejam feitos. Conheça alguns destes sintomas:

Publicidade
  1. Perda de peso – o emagrecimento rápido que pode chegar a 10% do peso inicial em poucos dias, sem que você esteja fazendo dieta ou exercícios físicos é um dos sintomas característicos em pessoas que estão desenvolvendo câncer, principalmente câncer de pâncreas, estômago ou esôfago, mas que também podem surgir em outros tipos.
  2. Fadiga intensa – o cansaço extremo é um sintoma importante, isso porque a pessoa apresenta muita fadiga mesmo quando realiza pequenas tarefas. Isso acontece porque geralmente o paciente com câncer está propenso a desenvolver anemia ou a perda de sangue pelas fezes, o que leva à diminuição de glóbulos vermelhos e à redução de oxigênio no sangue, provocando intensa fadiga que surge logo de manhã ao acordar.
  3. Dor persistente – a dor persistente em alguma região do corpo, que mesmo mediante ao uso de medicamento ou repouso não passa, também é comum em vários tipos de câncer, entre eles podemos destacar, câncer no cérebro, nos ósseo, no ovário, no testículo ou no intestino.
  4. Febre que aparece e some – a febre também pode ser um sintoma do câncer. Geralmente é uma febre que aparece do nada e vai embora sem avisar, mesmo que você não apresente nenhum outro sintoma, como por exemplo, a gripe. A febre geralmente está relacionada a leucemia e ao linfoma.
  5. Alterações nas fezes – Ter variações como fezes muito duras ou diarreia por mais de 6 semanas pode ser um sinal de câncer, principalmente câncer do intestino, assim como a barriga inchada, náuseas e vômitos.
  6. Urina – Os pacientes que estão desenvolvendo câncer podem ter dor ao urinar, urina com sangue e vontade de urinar com maior frequência, sendo sinais mais comuns no câncer de bexiga ou na próstata.
  7. Cicatrização demorada – outro sinal que tem algo de errado é o surgimento de feridas no corpo, como boca, pele ou vagina, por exemplo, que demoram mais de 1 mês para cicatrizar, também pode indicar câncer numa fase inicial. Isto indica que sua imunidade está baixa assim ocorre diminuição das plaquetas que são responsáveis por ajudar na cicatrização de lesões.
  8. Sangramentos – hemorragia também pode ser sintoma de câncer, que pode aparecer na fase inicial e infelizmente em casos mais avançados. A perda de sangue pode acontecer através das fezes, urina, sangramento nasal, ou no mamilo. 
  9. Manchas na pele – o surgimento de manchas na pele também pode ser o indicativo do desenvolvimento do câncer. Estas manchas podem ser vermelhas, roxas, e amareladas, o câncer pode provocar várias alterações na pele.
  10. Caroços e inchaço das ínguas – o surgimento de nódulos ou caroços pode surgir em qualquer região do corpo, como mama ou testículos. Também pode surgir um inchaço na barriga devido a alteração do fígado, do baço e do timo. Inchaço das ínguas que ficam localizadas nas axilas, virilha e pescoço requer atenção imediata.
  11. Engasgar-se com frequência – pessoas que estão desenvolvendo o câncer de esôfago, estomago ou faringe podem apresentar dificuldade para engolir os alimentos, fazendo com que elas se engasguem com frequência.
  12. Rouquidão e tosse persistente – quando o indivíduo apresenta rouquidão e tosse persistente por mais de 3 semanas, pode ser um alerta sobre o desenvolvimento de câncer de pulmão, de laringe ou tireoide, por exemplo. Tosse seca persistente, acompanhada de dor nas costas, falta de ar e cansaço intenso podem indicar câncer de pulmão.

Vale ressaltar que entre estes sintomas alguns são até comuns em outros tipos de enfermidade, contudo em caso de dúvida busque ajuda médica. Os exames periódicos também são essenciais para diagnosticar o câncer em seu estágio inicial quando a provabilidade de cura é maior.

Publicidade
Publicidade