in

Meia defende técnico do Santos: ‘se fala em contratação e tirar o treinador’

Mesmo que o técnico do Santos, Jair Ventura, sofra bastante pressão por parte da diretoria pelas atuações do clube no primeiro semestre, ele ainda é mantido no cargo e recebe a defesa de muitos dos jogadores.

Publicidade

O mais recente caso de defesa veio por parte de Jean Mota que fez uma declaração como forma de minimizar a pressão sobre o time da Vila.

“Tanto nós como jogadores somos cobrados, o treinador também recebe cobranças, muito se fala de contratar e tirar o treinador. É o nosso trabalho, estamos acostumados”, disse o meia.

Publicidade

O jogador continua dizendo que essa situação não pode incomodar, defendendo que Jair tem muita experiência e sabe lidar com isso. Uma vez ou outra a gente brinca, vai ou não vai, fica nesse impasse e ele é bem tranqüilo quanto a isso. E se ele permanecer é porque poderá ajudar o Santos. Essa entrevista foi concedida em uma coletiva de imprensa na sexta-feira (29) no Centro de Treinamentos Rei Pelé.

Publicidade

O Santos não teve um primeiro semestre positivo. Durante os seis primeiros meses desse ano o clube teve 35 partidas com 14 vitórias, sete empates e 14 derrotas, resultando em um aproveitamento de apenas 46,6%.

Publicidade

Após a parada para a Copa do Mundo, o técnico aposta em um time renovado. O Santos vai viajar para o México na próxima quarta-feira (4) para realizar amistosos contra o Monterrey no dia 7 e contra o Querétaro, dia 10. A delegação vai voltar para o Brasil no dia 11 e vai ter uma nova estreia no Campeonato Brasileiro em um clássico com o Palmeiras no Pacaembu, no dia 19 de julho.

Publicidade
Publicidade
Publicidade