in

Assassino de Vitória Gabrielly está preso? A polícia acredita que sim

Aconteceu uma reviravolta no caso Vitória Gabrielly. No início da noite desta quinta-feira (28), o delegado responsável pelo caso veio a público e revelou que um homem foi indiciado pelo assassinado da garota de 12 anos, que desapareceu no dia 8 de junho na cidade de Araçariguama. 

Publicidade

O desaparecimento de Vitória causou muita comoção e chamou a atenção de todo o Brasil, que torcia para que a garota cheia de sonhos fosse encontrada viva, mas infelizmente isso não aconteceu. O corpo de Vitória foi encontrado no dia 16 de junho em uma área de mata, já em avançado estado de decomposição, desde então a polícia trabalha com afinco em busca dos responsáveis pela morte brutal da jovem.

As duas principais linhas de investigação apontavam para crime de ódio e/ou vingança o que foi aventado diante das marcas no corpo da menina, ela foi estrangulada e lutou pela vida. Outra vertente investigava a possibilidade de Gabrielly ter sido raptada e morta por engano.

Publicidade

Homem está preso e indiciado pelo assassinato de Vitória Gabrielly

De acordo com o portal de notícias online, G1, a Polícia Civil indiciou por homicídio doloso o servente de pedreiro Júlio César Lima Ergesse pela morte da menina Vitória Gabrielly, tal medida foi tomada depois que ele prestou novo depoimento na tarde desta quinta-feira.

Publicidade

Júlio César está preso temporariamente desde o dia 15 de junho, após afirmar que esteve com a garota no dia do desaparecimento, em 8 de junho, e dar seis versões sobre o caso. A polícia não deu mais detalhes sobre o indiciamento do suspeito, uma coletiva de imprensa foi marcada para a manhã desta sexta-feira (29), em que mais detalhes serão repassadas para a imprensa. A participação de outra pessoa no crime não está descartada.

Publicidade

A família de Vitória Gabrielly não se pronunciou a respeito, todos querem que o caso seja solucionado e que a justiça seja feita.

Publicidade
Publicidade