in

Ex-participante de reality show sucumbi a depressão e tira a própria vida

Linda, jovem e passava a impressão que estava de bem com a vida, nem os amigos e familiares desconfiaram que ela poderia tirar a própria vida e deixar a todos que a conheciam devastados com sua morte. Infelizmente a taxa de suicídios é crescente em todo o mundo, principalmente entre os jovens.

Publicidade

No Brasil, em números absolutos, foram 2.898 suicídios de jovens de 15 a 29 anos em 2014, um dado que costuma desaparecer diante da estatística dos homicídios na mesma faixa etária, cerca de 30 mil. Em 1980, a taxa de suicídios na faixa etária de 15 a 29 anos era de 4,4 por 100 mil habitantes; chegou a 4,1 em 1990 e a 4,5 em 2000. Assim, entre 1980 a 2014, houve um crescimento de 27,2%.

Participante de reality show comete suicídio

Sophie Gradon, de 32 anos, participou do reality show Love Island em 2016, exibido na Inglaterra. Ela foi encontrada morta, no início da noite desta quarta-feira (20), por seu namorado, Aaron Armstrong, na casa dos pais da jovem, localizada na cidade de Medburn, Ponteland.  Ela estava sozinha no imóvel, a família estava viajando de férias.

Publicidade

A ex-miss Grã Bretanha em 2009, ficou ainda mais conhecida quando se assumiu bissexual no reality show e por ter transado com um dos participantes dentro de um guarda-roupa. Irreverente e na maior parte do tempo se mostrava bem humorada, ou seja, ela conseguia disfarçar muito bem o seu quadro depressivo.

Publicidade

Depressão

A modelo já havia enfrentado uma crise grave de depressão, contudo parecia que ela esta em um dos melhores momentos de sua vida, recentemente confessou aos amigos mais próximos que estava apaixonada pelo namorado e que os dois estavam até pensando em casamento, em um futuro próximo. Recentemente ela havia enviado mensagens para alguns amigos, dizendo que tudo ia muito bem.

Publicidade

Contudo, em seu perfil no Twitter, ela fez um sincero desabafo sobre a depressão e ansiedade, "pensando sobre quando eu me tornei um recluso total, com medo de sair em qualquer lugar por causa da ansiedade incapacitante e quão diferente minha vida é agora"!

Outra grande dificuldade que a modelo encontrava no seu dia a dia, era em relação as ataques que sofria constantemente nas redes sociais, para ela lidar com o ódio gratuito dos haters era muito difícil. "Você era tudo que eu queria ser e mais, a pessoa mais carinhosa e hilariante que eu conhecia, publicou sua irmã Charlotte Martin.

Veja algumas fotos da modelo:

 

Sophie Grandon, modelo e ex-miss Grã Bretanha em 2009, foi encontrada morta em sua casa aos 32 anos.

Posted by Direto da Redação on Friday, June 22, 2018

A vida é a melhor opção

Vale a pena ressaltar que a melhor escolha é sempre viver, se você passa por uma situação difícil, procure ajuda, peça auxilio e jamais desista de você. Busque ajuda junto ao CVV – Centro de Valorização da Vida realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, e-mail, chat e voip 24 horas todos os dias..https://www.cvv.org.br/.

 

Publicidade
Publicidade