in

Menino de 1 ano e 8 meses leva 6 facadas da própria tia e caso revolta

Um crime bárbaro aconteceu nessa quarta-feira (20) na cidade de Franca, interior de São Paulo. Franciele Funchal golpeou Marcelino Funchal, seu próprio sobrinho de apenas 1 ano e 8 meses, com 6 facadas e foi encaminhada para a Delegacia da Mulher pela Polícia Civil. 

Publicidade

A criança foi socorrida pelo Samu e levada para a Santa Casa após Franciele pedir ajuda aos vizinhos. Depois do resgate do garoto, sua tia foi presa, confessou o crime e já expôs os detalhes para a imprensa.

Publicidade

Publicidade

Em entrevista à imprensa local, Franciele afirmou que não se dava bem com sua irmã Brena Funchal, mãe de Marcelino, e que o crime foi uma vingança contra ela. “Estava muito nervosa, descontrolada. Peguei a faca, peguei a sacolinha que estava em cima da mesa, coloquei na boca dele e comecei”, disse Franciele. Outro motivo alegado pela criminosa foi o fato da criança estar chorando, o que a teria irritado.

Publicidade

Na residência onde o crime aconteceu foram encontrados bilhetes com frases ameaçadoras que foram escritos para a irmã. Franciele também já confessou a autoria dos recados. “O bilhete foi eu. Nem eu sei te explicar direito o porque que a gente briga", disse ela. 

 

A bisavó da criança estava trabalhando em uma fazenda no momento do crime e foi avisada. Ao chegar na residência, encontrou o local todo revirado. Já a mãe da criança, Brena Funchal, não foi encontrada para mais esclarecimentos. 

A Santa Casa da cidade de Franca ainda não deu detalhes sobre o estado de saúde do garoto.

Publicidade