in

Estudos comprovam que cerveja é mais eficiente que paracetamol para dor de cabeça, veja

Muitas pessoas ao sentir aquela dorzinha de cabeça chata já apelam para o paracetamol – isso e comum, pois o paracetamol está entre os remédios mais usados no mundo. Mas algo foi descoberto, algo bem surpreendente – o álcool também ajuda a diminuir a dor de cabeça, estudos comprovam isso. As pesquisas foram realizadas com 400 pessoas, quando a pessoa ingere álcool, a dor e a sensibilidade são reduzidas.

Publicidade

O recomendado é tomar três doses para homens e duas para mulheres para ter o efeito de diminuir a dor. De acordo com o resultado da pesquisa,o álcool tem o mesmo efeito que o ópio. Em uma segunda comparação, agora com o efeito de drogas pesadas, como a codeína, a pesquisa concluiu que a susbstância é mais poderoso que o paracetamol.

O que ainda não se sabe é como o álcool atua na dor, por isso foi feito um estudo em ratos onde foi comprovado que o álcool bloqueia a dor direto da medula espinhal.

Publicidade

Essa pesquisa deixou muita gente feliz e doida pra abrir uma cervejinha, mas não se engane, apesar do álcool diminuir a dor- também pode alterar seu estado mental, sem contar que pode te deixar dependente –  pois o consumo para aliviar a dor e bem maior que o recomendado, isso pode te deixar alterado.

Publicidade

Outro estudo envolvendo bebida alcoólica, diz que ingerir álcool moderadamente reduz os riscos de doenças do coração – isso se dá ao fato de que o álcool aumenta o HDL (colesterol bom) no sangue, o que protege seu coração de derrames e infartos, diminui em 32% esses riscos – porem se ingeridas excessivamente aumentam os riscos em 22% desse tipo de complicação.

Publicidade

Vale ressaltar que essa mesma quantia de álcool moderadamente que faz bem para o coração- pode aumentar os riscos de doenças do fígado e câncer, por isso e melhor não usar desse artificio, já que existem outras formas mais saudáveis de prevenir as doenças.

Publicidade
Publicidade