in

Hipócrita? Jojo Toddynho faz clipe para gays mas foi homofóbica no passado: ‘baitola’

Jojo Toddynho, cantora de funk e pop, decidiu gravar mais um clipe para seu novo hit. A música chamada Arrasou, viado é um levante à autoestima dos homossexuais e busca aproximar a artista ainda mais de seu público. Além de fazer uma letra totalmente cheia de referências ao mundo LGBT, Jojo convidou famosos de todos os gêneros e definições sexuais, como Léo Aquilla e Tammy Miranda.

Publicidade

Xingamento antigo de Jojo viraliza

Contudo, Jojo tem recebido muitas críticas na internet por conta de uma polêmica no passado. A cantora chamou uma pessoa de "baitola" e acabou pegando mal para ela, que tanto defende seus fãs gays. A palavra é considerada ofensiva para muitos homossexuais. Um print de Jojo no passado voltou a circular pelas redes sociais, desde maio deste ano.

A dona do hit "Que tiro foi esse?" preferiu se calar sobre o assunto e isso irritou os fãs, já que ela sempre tem um discurso politicamente correto na internet e onde quer que vá.

Publicidade

Depois de explodir no Carnaval, Toddynho fez vários shows pelo país e foi chamada para cantar em Miami, nos Estados Unidos, e também em Portugal.

Publicidade

Celebridades lotam clipe de amor e purpurina

No clipe de Arrasou, viado estão presentes muitas personalidades do movimento LGBT, que são amigos de Jojo. Dentre eles, então: David Brazil, Narcisa Tamborindeguy e mais.

Publicidade

Nas imagens divulgadas, ela aparece em meio a seus amigos, com muito glitter e paetê. A cantora veste um maiô com as cores da bandeira LGBT.

Veja abaixo o que os seguidores de Jojo estão falando sobre o clipe e as ofensas do passado.

Publicidade
Publicidade
Publicidade