in

Em nova linha de investigação do caso da garota Vitória Gabrielly, família e amigos viram alvo da polícia

Foi aberta uma nova linha de investigação sobre a morte brutal da adolescente Vitória Gabrielly Guimarães Vaz, 12 anos, começou a ser explorada pela polícia, após o encontro do corpo e do laudo inicial da perícia divulgado no último sábado (16), São Paulo.

Publicidade

De acordo com informações de Roberto Guastelli, advogado dos pais da garota, a polícia irá investigar a partir de agora amigos e família da garota. Essa decisão foi tomada com base em evidências de que a menina pode ter sido assassinada por alguém próximo da família por vingança .

Publicidade

Vitória Gabrielly foi enterrada nesse domingo (17), na cidade de araçariguama, onde morava. A cerimônia reuniu
2 mil pessoas que se empenharam em ajudar nas buscas durante os oito dia de desaparecimento dela.

Publicidade

Conforme o advogado disse, Gabrielly foi encontrada por um catador e latinhas em uma estrada de terra com seu cachorro em Mairinque, 20km distante do local onde ela sumiu. A garota estava com os braços e pernas amarrados e tinha uma meia na boca.

Publicidade

Vitória Gabrielly foi asfixiada e em seus braços haviam marcas roxas, que indicavam que ela tentou resistir no momento do crime. A perícia apontou que ela foi morta há pelo menos sete dias. O crime que chocou o Brasil, faz com que a polícia acredite que o crime tenha sido cometido por mais de uma pessoa.

Publicidade
Publicidade
Publicidade