in

Bebê quase morre após ser beijado por visita e mãe faz alerta emocionante

Pode parecer exagero, mas não é, os bebês recém-nascidos precisam de muitos cuidados. Entre as várias restrições que as crianças tem nos primeiros dias após o nascimento, uma das mais importantes é evitar o contato direto com adultos e crianças.

Publicidade

Quando você for visitar um bebê que acabou de nascer e a mãe não quiser que te deixar tocar na criança ou pegar no colo, não precisa se sentir ofendido. Recém-nascidos são muito frágeis e o organismo ainda não consegue lidar com o tanto de bactérias e vírus presentes no ambiente.

A mãe de primeira viagem Clare Henderson passou por um susto enorme após receber a visita de amigos que foram conhecer sua filha. De acordo com as informações passadas pela moça que vive na Inglaterra, várias pessoas estiveram em sua casa e muitas deram beijo na bebê, na intenção de fazer um carinho e mostrar felicidade pelo nascimento da menina.

Publicidade

Mas todo carinho se transformou rapidamente em pesadelo. Depois que todo mundo foi embora, a mãe foi amamentar a bebê e percebeu que ela estava cheia de aftas e com os lábios bastante inchados. Preocupada com a irritação que a criança apresentava, ela a levou ao hospital imediatamente  e o diagnostigo foi assustador.

Publicidade

A menina havia contraído herpes oral e estava correndo risco de morte. Ainda segundo Clare Henderson, nenhuma das visitas aparentava ter vírus da herpes na boca e, por isso, ela não se preocupou com os beijos e abraços dados na recém-nascida.

Publicidade

O susto passou, a bebê conseguiu se recuperar usando antiviral por cinco dias e não apresentou complicações após esse período, mas o susto deixou a mãe preocupada e a incentivou a fazer um alerta emocionante. Em um post no facebook, Clare contou sua experiência para evitar que outras mães sofram como ela sofreu quando percebeu que poderia perder seu bebê.

"Moral da história, não deixe ninguém beijar o seu recém-nascido na boca, mesmo se parecer que ele não tem herpes. Todo mundo com quem eu conversei não sabia destes riscos da herpes oral, então eu achei importante compartilhar a história de Brooke para que outras mães não passem pelo que eu passei”, escreveu. O post teve mais de 35 mil compartilhamentos na rede social.

Vale lembrar que segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o vírus da herpes oral (HSV-1) pode ser transmitido pela saliva, superfície e em torno da boca.

Publicidade
Publicidade
Publicidade