in

Geromel fala sobre as propostas do futebol europeu e define seu destino após a Copa

Geromel é um dos jogadores do Grêmio que se destacou no grupo formado pelo técnico Renato Portaluppi. O zagueiro fez um trabalho tão convincente que conseguiu a convocação para a Copa do Mundo e está aguardando a estreia da Seleção Brasileira na Rússia. 

Publicidade

Embora seja reserva, há probalidade dele entrar em campo caso algum dos titulares se machuque ou até mesmo se o técnico Tite quiser poupar alguém em caso de classificação antecipada na fase de grupos. Em entrevista ao jornalista Alê Oliveira, do Esporte Interativo, o zagueiro falou sobre as sondagens de equipes estrangeiras.

Como é comum, todo jogador brasileiro tem como sonho despontar no cenário de futebol internacional. Pedro Geromel faz parte da equipe que é atual campeã das Américas e, por isso, é normal que ele seja sondado e procurado por clubes europeus e até mesmo asiáticos.

Publicidade

Após a Copa do Mundo, o jogador que poderia ser negociado com outro clube pelo seu alto rendimento nas últimas partidas que disputou e títulos que conquistou, deu seu ultimato sobre uma possível contratação. Quase ninguém sabe, mas Geromel já jogou na Europa – ele passou por Portugal, Alemanha e Espanha, mas em nenhum clube com histórico.

Publicidade

Sobre voltar à Europa após a Copa do Mundo, ele faz uma avaliação sincera. "Dificilmente agora eu vejo a minha carreira fora do Brasil. Já fiquei 10 anos lá fora, já deu. E estou felizão aqui. Acho difícil sair do Brasil agora", disse o zagueiro.

Publicidade

Descartando qualquer possibilidade de sair do Grêmio, o zagueiro diz que é momento de ficar no Brasil e ajudar o tricolor a conquistar mais coisas. O time gaúcho tem muitas disputas nessa temporada e ele deve fazer parte delas como titular.

Publicidade
Publicidade