in

Vídeo: Mulher narra jogos da Copa do Mundo 2018 e torcedores pedem: ‘chega de machismo’

Uma voz feminina dentre um mundo considerado há muitos anos dos homens. Isabelly Morais, de apenas 20 anos de idade, não ligou para os comentários e as críticas negativas quando decidiu tornar-se narradora esportivo.

Publicidade

O sonho a levou para o lugar onde muitos garotos da sua idade apaixonados por futebol e jornalismo desejariam estar: na Copa do Mundo 2018. Direto da Rússia, a jovem foi uma das poucas narradoras que entoou o "gol" para a primeira bola dentro do mundial. O jogo aconteceu ontem, dia 14 de junho.

Torcedores já consideram o feito de Isabelly um fato histórico para o jornalismo brasileiro. A moça, formada pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) tornou-se a primeira mulher a narrar uma partida da Copa do Mundo pela TV brasileira.

Publicidade

Isabelly trabalha na Fox Sports e faz parte de um verdadeiro time de mulheres que entrou no canal por meio do concurso Narra Quem Sabe, projetado pela jornalista Vanessa Riche. Estão no grupo: Renata Silveira e Manuela Avena, que irão narrar partidas do mundial neste ano.

Publicidade

Por meio de seu Twitter, Isabelly comemorou o feito

Quem compartilhou o vídeo de Isabelly foi a página do Mídia Ninja, que pede menos machismo no futebol. "Lugar de mulher é na Copa do Mundo", diz a postagem.

Publicidade

Pelas redes sociais, muitas pessoas comemoraram o feito e disseram que vão assistir aos jogos narrados por Isabelly na Fox Sports.

Gol narrado por uma mulher!

Lugar de mulher é narrar a Copa do Mundo!

Posted by Mídia Ninja on Thursday, June 14, 2018

Começo de carreira no rádio

Isabelly não começou trabalhando na emissora. Antes, ela era narradora da Rádio Inconfidência, de Minas.

Publicidade
Publicidade