in

Jogador do São Paulo vive drama, contrato é suspenso, mas clube arcará com despesas

O São Paulo divulgou, na tarde desta segunda-feira (11), uma nota em que falava sobre a suspensão do contrato que tinha até abril do ano que vem com o lateral Régis. O clube não entra em detalhes sobre o problema pessoal ocorrido com o jogador, mas pelo teor do texto dá para imaginar que seja um drama.

Publicidade

Régis foi contratado pelo São Paulo em março, na fase final do Campeonato Paulista, após se destacar no Campeonato Paulista. Aos 28 anos, o atleta realizou o sonho de chegar a uma grande equipe e poderia jogar nas duas laterais e também no meio-campo.

Em dez partidas disputadas, Régis não marcou nenhum gol. Ele não foi relacionado para as partidas contra Botafogo e Atlético-PR, ambas válidas pelo Campeonato Brasileiro.

Publicidade

Na nota, o Tricolor afirmou que liberou o atleta para que ele pudesse resolver questões de ordem pessoal. O contrato do jogador está suspenso, mas não foi rescindido. “Poderá ser retomado tão logo o São Paulo entenda que é possível dar seguimento ao exercício profissional”, afirmou a nota.

Publicidade

Neste período, Régis não vai receber salário do clube, mas a diretoria do São Paulo garantiu que irá cobrir as despesas necessárias no enfrentamento do problema que atinge o atleta.

Publicidade

A direção afirma também que acolherá o jogador e sua família e que torce para que a situação seja resolvida e Régis possa voltar a treinar com a equipe no Centro de Treinamento da Barra Funda, zona oeste da capital paulista, e possa ser relacionado para as partidas.

O São Paulo enfrenta o Vitória, nesta terça-feira (12), no Morumbi, e depois só volta a entrar em campo no dia 18 de julho, após a Copa do Mundo.

Publicidade
Publicidade
Publicidade