in

Aguirre x Ceni: São Paulo tem números impressionantes no Brasileirão 2018

Se comparar a situação do São Paulo no ano passado com este ano o torcedor dirá que Aguirre fez um verdadeiro milagre para o time. Em entrevista, o treinador afirmou que trabalhou na parte motivacional do clube, simplesmente porque acreditava em cada jogador e achava que o time não merecia estar onde estava.

Publicidade

Baseado na crença de que o São Paulo merecia receber reconhecimento e que cada atleta da equipe tinha um potencial muito grande ser desenvolvido, Aguirre trabalhou duro e em apenas três meses fez o clube ficar em terceira posição do Brasileirão série A, com pouca diferença na pontuação, comparado com o Flamengo, que está em primeiro.

Ressaltando que em apenas 11 jogos na primeira fase da competição ele já bateu a primeira campanha de 2017, comandada nos primeiros 11 jogos por Ceni e 7 sob comando de Dorival.

Publicidade

Com Aguirre o São Paulo já está com 20 pontos em 11 jogos, contando com apenas uma derrota, cinco empates e cinco vitórias, tendo um aproveitamento de 60%. Comparando com os jogos de Rogério Ceni, a diferença também é muito significativa.

Publicidade

Com Ceni, o time teve seis derrotas, dois empates e três vitórias, o que levou o São Paulo para a zona de rebaixamento. Com Dorival como técnico, o time também teve um aproveitamento de apenas 33%, contando com dez derrotas, quatro empates e cinco vitórias.

Publicidade

Assim, conclui-se que Aguirre foi fundamental para que o São Paulo tivesse um melhor rendimento. Esse por sua vez dá todo o crédito aos jogadores e na disposição de cada um em dar o seu melhor.

Publicidade
Publicidade
Publicidade