in

Liziero torce por uma nova chance após admitir ter perdido espaço no time

Desde que Aguirre assumiu o comando do São Paulo, Liziero se tornou a grande novidade na base do tricolor. O atleta, que joga como volante, atuou em 15 dos 17 jogos com o uruguaiano e está entre os nove dos 11 que começaram. Mesmo assim, o jogador acabou perdendo espaço dentro do time e acabou virando opção de reserva.

Publicidade

No jogo desta terça-feira (5) contra o Inter, que acontece no Morumbi às 21h30 e será válido pela décima rodada do Brasileirão, o jogador poderá ir a campo em uma nova chance de se dar bem porque Hudson não poderá atuar pois está com uma contratura muscular na coxa direita. Vale lembrar que Liziero e Petros disputam essa vaga. 

"– Eu perdi um pouco de espaço, mas é natural. É o cansaço de muitos jogos, mas no dia a dia treino forte. Sempre ajudo todo mundo e o professor tem confiança em mim. Se eu tiver a oportunidade de jogar nesta terça-feira, vou dar o meu melhor –", disse Liziero. 

Publicidade

Vale lembrar que Liziero foi para ao time profissional pois a equipe tinha uma carência na lateral esquerda. Reinaldo e Junior Tavares estavam indispostos. Apesar disso, 
o atleta entrou atuando como volante, onde se deu bem conseguindo se concretizar nessa posição se tornando uma das peças principais de Aguirre no elenco. 

Publicidade

Liziero, que foi formado na base do São Paulo, se senti feliz com a possibilidade de mais jogadores que fizeram a mesma trajetória, também usufruírem da chance contra o Inter devido a suspensão do atleta Nenê e da Saída de Marcos Guilherme. Porém, o mesmo acredita que a concorrência não será fácil.
 
"– Com essa saída do Marquinhos e o Nenê suspenso, todo mundo pode ter oportunidade. Não só a gente, da base, mas todo jogador do elenco. Nós temos qualidade para assumir esse papel" – disse o atleta. 

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade